As 10 Mais Estranhas Encarnações do Doutor Estranho

2683
0

Pra você, que foi ver o Doutor Estranho e saiu com a suspeita de terem colocado LSD na sua pipoca, ou achou melhor não ir por conta da labirintite, a Mondo preparou uma lista com 10 outras encarnações do mago mais fodão do universo Marvel, que precederam a interpretação do Benedito. Ei-las:

 

1) O DOUTOR ESTRANHO ORIGINAL

Stephen Strange não foi o primeiro personagem de Marvel a se chamar de “Doutor Estranho”. Em 1963, “Tales of Suspense”, de Stan Lee, R. Berns e Jack Kirby, Carlo Strange estreou em uma das primeiras aventuras do Homem de Ferro. Esse Dr. Estranho já era um vilão genial quando foi atingido por um raio que “aumentou a energia elétrica” de sua mente ( total Stan Lee isso ) , tornando-o ainda mais esperto. Na primeira história do Dr. Estranho, Carla, sua filha, ajudou o Tony a recarregar sua armadura com baterias de lanterna e a derrotar o vilão.

O  Dr. Estranho parecia pronto a se tornar uma grande ameaça no incipiente Universo Marvel quando Steve Ditko apresentou pro Stan o conceito que resultaria na versão atual do personagem. Originalmente queriam chamar o personagem Mister Strange, mas o Stan achou muito parecido com Mr. Fantastic, e o rebatizou.

O Dr. Estranho original reapareceu pouquíssimas vezes desde sua origem, mas tem vaga garantida no rodapé  da continuidade Marvel dos anos 60.

 

2) O DOUTOR ESTRANHO DE STEVE DITKO

As qualidades desnorteantes e halucinógenas da arte do criador do personagem, Steve Ditko, persistem, desde os anos 60 até hoje. Além dos cabulosos gráficos  (que lembram em muito as pintura de Salvador Dali ), as histórias anteciparam o interesse  por misticismo oriental e psicodelia que se alastrou pelos hipsters de ocasião. Embora nunca tenha figurado entre os personagens mais populares da Marvel, o Dr. Estranho encontrou seu nicho entre os leitores que procuravam um alternativa interessante ao convencional universo dos Super Heróis.

 

 

3) DOCTOR STRANGEFATE

Parte Doutor Estranho / parte Senhor Destino ( Dr. Fate da DC  ) e com pitadas de Professor Xavier, Doctor Strangefate foi um dos resultados da misturada de universos entre Marvel e DC no final dos anos 90.  Sob o título de Universo Amálgama, os personagens das duas editoras eram mesclados de forma ora curiosa, ora bizarra.

No caso de Strangefate, foi mais para a segunda: o cara era tão poderoso que percebeu a natureza temporária do universo, e naturalmente, tentou impedir sua destruição. Depois combinou membros da Liga da Justiça e os X-Men em novos híbridos, até ser finalmente derrotado por Doutor Estranho.  Então, Strangefate pediu para o Estranho recriar o Universo Amálgama como uma dimensão de bolso e o enviar para lá.  Bizarrices  ( e possíveis pipocas com LSD à parte ), a história de Ron Marz, José García-Lopéz e Kevin nowlan concorreram ao prêmio Eisner daquele ano.

 

4) DR. ESTRANHO ZUMBI

Por conta de seu trampo de defensor-supremo-contra-todas-as-coisas-malditas-do-universo-Marvel, o Doutor já lutou contra bestas de todo tipo. Geralmente tira de letra, mas  na realidade alternativa dos Zombies Marvel, ele meio que sifu. Para sobreviver mais tempo ao surto, virou zumbi e passou a viajar a realidades alternativas para comer gente ( no mau sentido ).

Depois, se juntou a uma horda de zumbis para invadir a Latveria, e lutou contra os Evil Dead, durante um crossover com os personagens do filme “Army of Darkness”.

 

5) DR. ORPHEUS

Não é uma versão do Dr. Estranho, tecnicamente, mas é, sem dúvida, uma alusão ao personagem. Surgiu na série “The Venture Bros” ( Cartoon Network, Adult Swim, 2003 )que por sua vez, era uma alusão a “Jonny Quest“.

Com um casaco de gola alta e um cavanhaque aparado, assim como Estranho,  Orpheus  é um protetor da Terra. Meio desorientado, verdade, mas compassivo. Porém com freqüentes surtos melodramáticos.

 

6) DOUTOR MAIS ESTRANHO AINDA E O PATO DAS ARTES MÍSTICAS

Na história de 1977, “The Creator Chronicles”, obra do maluco de carteirinha Jim Starlin, o Dr.Estranho entra  em conflito com os Criadores, um grupo de magos fodões que decidem criar um mago ainda mais fodão. Então eles criam o   Doutor Mais Estranho Ainda; um javali humanóide com traje e poderes do Doutor Estranho.

Outras versões bestiais do  Doutor também apareceram em alguns mundos animalescos da Marvel. Ducktor Strange foi o “Pato Real das Artes Místicas” de “Howard, o Pato”.  Apesar de ubriaco,  era um dos poucos que podia transportar pessoas de seu universo para o bizarro Duckworld.

E teve aquele título da Marvel para crianças,”Peter Porker, The Spectacular Spider-Ham” ( pork=porco, ham=presunto, captaram a maestria ? ) que contou com a participação de Croctor Strange, um crocodilo praticante das “artes desajustadas”.

 

7) O SOLDADO SUPREMO

A ideia de uma dupla Justiceiro/Doutor Estranho é insólita. Mas os personagens se encontraram em “What If” # 24, de 1991, quando o Drácula transformou todos os X-Men em canhestros sanguessugas, e o espírito de um falecido Doutor Estranho possuiu o Justiceiro, que se tornara um matador de vampiros.

Depois, nas Guerras Secretas (de 2015), o corpo de Frank Castle foi tomado pelo Dr. Estranho. O possuído Justiceiro e seu fodástico armamento, mais o misticismo de Estranho, criaram o “Soldado Supremo”, que lutou contra as forças do Dr. Destino. Spoiler Alert:  o Justiceiro foi morre no final, mas não antes do Dr. Estranho possuir o corpo de Wolverine.

 

8) O DOUTOR ESTRANHO UNIVERSO ULTIMATE

No Universo Ultimate da Marvel, a origem do Doutor Estranho é praticamente a mesma da continuidade regular.  Já seu fim, é bem diferente. E um tanto indigno. No crossover “Ultimatum“,  de 2009 , em uma história notoriamente sádica,  Dormammu envolveu o Doutor  em seu próprio manto até ele asfixiar, sua cabeça ficar roxa e explodir. Sem dúvida um do momentos mais relevantes da carreira do personagem, mas longe de ser o mais honroso.

 

9) O DOUTOR ESTRANHO DA TELEVISÃO

Este  filme da CBS de 1978 foi a única manifestação Live-Action do personagem até a atual versão do Benedito.  No filme piloto ( que nunca virou série) , o Dr. Estranho, de Peter Hooten, era um psiquiatra que mergulhou no mundo da magia depois que sua paciente Clea Lake foi possuída por Morgan le Fay. Os poderes do Doutor, contudo, mal se manifestam. O mesmo não pode ser dito sobre as limitações orçamentárias; os trajes são super tos…er…econômicos, e o Nameless One ( manda chuva de Le Fay ) é apresentado na figura de um fantoche.

 

 

10) DISCÍPULO DE DORMAMMU

What If foi uma série antológica ( já mencionada no tópico 5 ) na qual a Marvel  analisava as consequências de longo prazo de pequenas mudanças na continuidade oficial da Marvel.  Tipo um efeito borboleta, mas não raro com consequências bem mais devastadoras que um tornado.

Não foi o caso dessa história de 1979, na qual Peter Gillis e Tom Sutton, colaboradores regulares do “Doutor Estranho”, imaginaram  o que teria acontecido se o Doutor Estranho tivesse se tornado um discípulo de Dormammu, governante da Dimensão Negra, em vez da Dimensão Anciã. No fim, o Dr. acaba sendo nomeado o Mago Supremo e protetor místico do universo, tal qual na cronologia oficial da Marvel, porém mais poderoso, pois detentor dos aspectos não apenas mais leves, mas também mais obscuros das artes místicas.

Afinal, as asas da borboleta também produzem brisa…

Comentários