Prestobarba do Evangelion

Que a galera no Japão não bate bem, todo mundo sabe. E digo isso no melhor dos sentidos. Pois se batessem, seriam chatos, como os suiços, que em 500 anos de história só nos deram o cuco e chocolate.

O Japão não. Inundou o mundo com imaginação da melhor qualidade, através de mangás, animes, videogames e robôs. Que país maravilhoso.

Mas mesmo para os mais habituados à insânia nipônica, sempre rola uma surpresa. Como esses comerciais de “Prestobarba” do Evangelion.

A ideia de usar os personagens dessa serie para vender barbeador, por si só, no ocidente, já seria passível de uma exame de cabeça. Como se não bastasse, os caras pegam o personagem mais sisudo de todos e o transformam em Teletubbie, praticamente. É como se o Batman sentisse todo o frescor de Sprite, enquanto corre pela praia, sem camisa, serelepe e sorridente.

A parte mais perturbadora: se fizessem isso com o Batman, eu passaria a tomar Sprite. Assim como fiquei com vontade desse barbeador.

Longa vida à loucura japonesa

Comentários